23
outubro
2014

5 formas de machucar os olhos dentro de casa (que talvez você nem imagine)

Postado por Ana em Olhos

Acidentes domésticos não podem ser subestimados. Quem tem criança em casa sabe muito bem do que estou falando. Mas muitas vezes não paramos para pensar nos perigos que existem para nós, adultos, também. Hoje vou falar especificamente de perigos para os olhos no nosso dia-a-dia. Abaixo, alguns exemplos de coisas comuns que podem colocar nossa visão seriamente em risco.

1) Água Sanitária

aguasanitaria
Eu sempre tenho água sanitária em casa, adoro principalmente para limpar banheiro e jogar no ralo. Além de mantê-la MUITO longe das crianças, se você também gosta, lembre de ter cuidado triplicado ao usá-la. Ela tem um sal que em solução se torna uma substância fortemente básica – e queimaduras com base nos olhos são bem piores do que com ácido, pois a base tem a capacidade de ir atravessando todas as camadas do olho. Ao usar, o ideal é que seja com luvas e com muito cuidado com os respingos (não lançar à distância). Se tiver óculos de proteção, melhor ainda. Para lembrar: qualquer coisa que caia no olho, o ideal é lavar muito o mais rápido possível – se dirija ao médico imediatamente, mas jogando soro fisiológico (ou água filtrada porque nessas horas não dá pra escolher muito) nos olhos durante todo o trajeto.

2) Estourar espumante igual corredor de Fórmula 1

rennfahrer

Hahaha Quem nunca?! Pois muito cuidado com a rolha que sai voando a uma velocidade grande. Neste caso a vítima costuma ser outra pessoa e a pancada de uma rolha no olho pode gerar traumas que vão de leves inflamações até descolamento de retina. O melhor é abrir sem cachoalhar, só puxando a rolha mesmo.

3) Abrir garrafa com faca

knife

Por que diabos homem tem mania de abrir garrafa de cerveja com faca? Pra mostrar que é machão ou algo assim? 🙂 Bom, esqueçam as facas para este fim. Usem o bom e velho abridor de garrafa. Não subestimem o poder de um segundo de distração. Não vou nem entrar em detalhes, but you have GOT to believe me.

4) Cortar as unhas com alicate de cutícula

alicate

Isso eu não faço nunca (ou lixo ou corto com trim/tesoura). Vocês já viram a velocidade que voam as unhas (principalmente do pé) quando são cortadas com alicate? Além de estragar o corte do alicate.. Pior é que manicure tem mania de fazer isso. Eu no salão fecho olho a cada cortada. Unhas são pontiagudas e carregadas de bactérias – podem machucar o olho e dar infecções sérias também.

5) Partir folha de lasanha

lasanha

Enquanto os números de 1 a 4 eu já vi várias vezes acontecerem, esta número 5 é totalmente por minha conta – eu nunca vi algo parecido. Mas como outro dia quase tive problema com isso, tive que acrescentar. Sabe quando você quer fazer uma lasanha mas a sua forma não cabe o número exato de folhas? Pois é, fui partir uma folha de lasanha levando cada extremidade para um lado e o que aconteceu? Um pedaço pontiagudo de lasanha saiu voando numa velocidade incrível. Peguei e era triangular com a ponta finíssima. Na hora agradeci pela sorte e pensei “eis aí uma forma de furar o olho na qual nunca tinha pensado”. Pois é, eu oficialmente pirei de vez. kk

É isso, amanhã volto com dicas de xampu!!!! #blogueiraversátil 🙂 🙂 🙂

Beijos

16
outubro
2014

Sobre câncer de mama

Postado por Ana em Saúde

Puxa, a última vez que falei de câncer de mama aqui no blog foi em 2012! Aproveitando que estamos no mês de outubro, resolvi falar de novo! Gravei um vídeo em que bato um papinho sobre o câncer que mais mata mulheres no mundo. E conto também um pouquinho da minha história e por quê é tão importante para mim discutir sobre este tema.

O thumbnail e a imagem congelada não querem mudar de jeito nenhum. haha… Muito difícil fazer vídeo. Eu gravo, vou ver e tem meia hora, tenho que sair cortando tudo, aff. 🙁 Mas com o tempo eu aprendo!

Ler também: Rastreando o câncer de mama: auto-exame e mais!

Tem tanta doença que a ciência ainda não resolve ou não nos dá a oportunidade de diagnosticar no início. Se existe a chance de fazer diagnóstico precoce, não vamos comer esta mosca!

Beijos PINK!

11
setembro
2014

Água morna com limão e divagações sobre a “vida Fit”

Postado por Ana em Dieta

Lembro de uma vez quando era adolescente e comi tanto brigadeiro em um aniversário que me deu uma dor de barriga horrível. Daí minha amiga me disse “toma água morna com limão que melhora”. Mais parecia superstição da roça, mas lembro que funcionou. Assunto esquecido, nunca mais tomei a tal mistura.

zitrone3

Com a onda fitness que invadiu a internet acabei vendo que muita gente recomenda a mistura, pois é “detox“. E nem falo só de instagurus, mas de “celebridades” mesmo. Uma que não abre mão é a Gisele Bündchen: todo dia de manhã toma a mistura em jejum100mL de água morna + meio limão (sem adoçar). Eu agora comecei a fazer o mesmo – faço com limão siciliano e na primeira vez achei ECA, mas na segunda já nem achei ruim, viu?

O que é fato: O limão tem suas vitaminas (tipo C) e funciona como anti-oxidante e nessa temperatura funciona como adstringente (“arrastando a gordura da parede do sistema digestivo”.) Tem algumas outras informações difundidas na internet que leio com parcimônia: dizem que ajuda a regularizar o pH – informação essa que ainda não compreendo muito bem pois temos um sistema intrínseco perfeito para, por si, só controlar o pH (salve em doenças); e a mais estranha delas que li “ajuda a hidratar o sistema linfático”. O que diabos seria hidratar o sistema linfático? o.O Falar que emagrece por si só também acho um pouco demais. Mas enfim – pelo efeito detox já inseri à minha rotina. Mas o papo hoje vai além do limão com água morna.

Eu engordei 4kg em BH. Eu sou meio compulsiva. Comi McDonalds, coxinha, pastel, chocolate, cerveja e porcaria o tempo todo. Eu sei que o ideal é equilíbrio, mas eu sou meio “tudo ou nada“, sabe? Se estou comendo saudável um dia mas daí como alguma coisa gorda, aquilo tira meu ânimo e eu chuto o balde e passo a comer pior ainda no resto do dia. Alguém se identifica? Por isso cheguei aqui e resolvi começar a comer bem de novo. Mas infelizmente neste recomeço só funciono sendo mais radical, pelo motivo citado acima. O que eu sempre me esqueço (e não sei o porquê) é que as tais comidas fit (e exercício físico) me fazem sentir bem – fisicamente e psicologicamente. Tão logo recomeço a reeducação alimentar já lembro disso. Eu não gosto muito de falar em dieta, queria mesmo era mudar hábitos para sempre. Tenho minhas pequenas “conquistas”: já consigo trocar massa e arroz normal por integral de boa, até farinha eu encaro a integral. Ontem mesmo fiz quinoa pela primeira vez.

quinoa2

Mas os meus pontos fracos são: salgadinhos, biscoitos, vinho. Eu tinha mania de comprar os famosos biscoitinhos de aveia da Ikea para deixar para visitas, mas quem disse que eles sobreviviam até a próxima visita?

Uma estratégia muito importante pra mim é não ir ao supermercado com fome e evitar ter porcarias dentro de casa. Minha filha, você não tem auto-controle? – diz sempre o meu pai. A resposta é NÃO! 🙂 E não é fácil, porque moro em cima de um supermercado. Mas impossível não é. Eu tenho marés de vida saudável entremeadas com porra-louquice alimentícia. Acontece! Mas tenho em quem me inspirar para ser mais persistente: vejo como minha irmã conseguiu mudar a alimentação da família toda – e isso já faz uns 2 anos. Brinco que a despensa dela mais parece um instagram da Gabriela Pugliesi. Mas piadas à parte, fato é que tudo que tem na casa dela é gostoso E saudável. Porque não é preciso comer coisa ruim para comer bem. É cada delícia que ela aprendeu a fazer… Até o strogonoff é fit – e a gente come sem notar que é tão saudável. Daí vejo as menininhas comendo aqueles pratos coloridos e só pensando que vão agradecer à mãe delas no futuro. É mais do que não ter celulite; alimentação saudável desde nova é um grande fator protetor para doenças cardiovasculares e câncer no futuro. Conversando com meu mastologista a respeito de testes genéticos para câncer de mama (Jolie Feelings), ele me disse que não vê muito sentido no meu caso, que teria sentido talvez para a geração futura, para que os hábitos de vida pudessem ser otimizados desde a infância. Portanto, quem sou eu para criticar a “moda fitness”? Ela é a melhor “moda” que já existiu, e quando me vejo no fundo do poço da comilança como foi nos últimos meses, é justamente esse bombardeio de informações (algumas úteis, outras inúteis) que me fazem criar ânimo para voltar à linha.

Quanto pensamento vindo de um copo de água com limão, não é?

Ps: existe uma chance de eu dar uma sumida alguns dias. Não parece, mas ando muito ocupada e ainda vou viajar de lua-de-mel atrasada! 😉 Ah, eu coloquei recentemente uma opção de receber e-mail quando o blog for atualizado, só cadastrar ali à direita !

Beijos & Back to Fit!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Página 9 de 45567891011121314