12
agosto
2013

Tá com a calça furada no fiofó

Postado por Ana em Crônicas cosméticas

Gritavam em cadência uniforme, batendo palmas. Eugénio sentiu os olhos encherem-se-lhe de lágrimas. Balbuciava palavras de fraco protesto, que se sumiam, devoradas pelo grande alarido.

Calça furada-dá!
No fio-fó-fó-fó!
Oia as calças dele, vovó!
Calça furada-dá!

Este é um trecho do “Olhai os lírios do campo” que nunca saiu da minha cabeça. Sempre que vejo uma calça furada já penso “tá com calça furada no fiofó… hahaha“. Só não imaginava que isso ia passar a ser um problema meu, tão frequentemente!!!

fiof

Não sei o que está acontecendo com a indústria de roupas, não sei mesmo. As roupas estão vindo imensamente VAGABUNDAS. Tipo, toscas, mal-feitas. E isso não se restringe a coisas baratas. Lembram da minha blusa da Maria Filó que se rasgou durante o primeiro (PRIMEIRO) dia de uso?

Tive uma surpresa horrível no mês passado com uma calça da Zara. Eu estou na maior luta para desapegar de jeans, aí estava toda feliz com minha calça creme de 99 reais. Justinha como deve ser, mas sem apertar, sabe? Confortável… Eis que agachei para ajudar minha sobrinha no quebra-cabeças e escuto um estouro. Sério, ouvi um “POC!”. Assustei e quando fui ver o que aconteceu, minha calça tinha explodido .

fiofo2

Abriu um rombo de uns 20 cm!!! Aí vocês imaginam se isso acontece em público, o que eu faço? Joguei a calça no lixo, porque mesmo se consertasse não ia ter coragem de usar.

No final de semana passado fui na Centauro Esportes comprar uma legging nova. Escolhi uma cinza rajada escura… 50 reais, nada demais, mas também não foi dada né? A marca é Oxer. Usei pra correr semana passada, aí beleza. Aí usei pela segunda vez na sexta-feira pra ir no personal e no meio das séries notei dois furos enormes vocês sabem onde… isso depois de fazer todas aquelas posições de academia que, vocês sabem, deixam nossos fundos em evidência. Que vergonha!!!

fiofo1

Este é meu pequeno protesto pelo descaso com o consumidor, roupas descartáveis que estou CANSADA de comprar.

Beijos da consumidora indignada!!

29
maio
2013

Meu sutiã quebra-cabeça

Postado por Ana em Crônicas cosméticas, Dicas

puzzle1

Comprei há umas semanas um vestido com decote profundo nas costas. Fui então na loja Scala comprar algum sutiã feito para tal fim. Me mostraram um que é meio mil e uma utilidades, dá pra usar de vários jeitos: convencional, frente única, cruzadas nas costas e decote profundo. Acho que é esse aqui, o multiway.

puzzle5

Infelizmente só tinha o bege, como esses curingões costumam ser. A vendedora perguntou se eu queria experimentar, mas eu tenho uma máxima “a vida é muito curta pra experimentar lingerie“. Mea culpa, mas que ledo engano! Cheguei em casa e não consegui entender o bendito nem por decreto. O preguiçoso trabalha dobrado mesmo… :laugh:

puzzle4

E quem disse que veio cartãozinho ou qualquer folhinha de instruções? Eu devo admitir que essas coisas de montagem nunca foram meu forte, tipo, minha sobrinha kicks my ass no quebra-cabeça. No site da marca não achei esqueminha, mas o mais parecido foi esse abaixo que achei via Google. Só que ainda não consegui. Cá estou eu presa com um sutiã que não consigo usar (e por consequência um vestido).

puzzle2

Quando eu enjôo de tentar passar do nível 33 do Candy Crush (não consigo de jeito nenhum), vou me ocupar um tempinho pra ver se eu resolvo o mistério do sutiã. :laugh:

Mas uma coisa boa rendeu essa minha visita à Scala. Levei umas calcinhas “Caleçon a Flor da Pele” pra experimentar e amei.

puzzle3

São sem costura, bonitinhas, toque perfeito e mega confortáveis. E, claro, de algodão! As ultrasexy que me perdoem, mas calcinha de dia-a-dia tem que ser de algodão, cês sabem né? Parece calçola na foto, mas comprando o tamanho certo não é não (e tem outras opções de cor).

Quem sabe na próxima visitinha ao shopping (só Deus sabe quando) eu não passo lá pra me ensinarem a usar a porcaria do sutiã? :laugh:


Beijos!

21
maio
2013

Mein Kampf, ou: minha luta para não lavar os cabelos todos os dias

Postado por Ana em Cabelo, Crônicas cosméticas

Nem sei mais há quantas décadas sou “escrava” dos meus cabelos. Faça chuva, sol, calor, neve, saúde ou doença: lá vou eu com meus cabelos pra debaixo do chuveiro todo santo dia. Até há uns 8 anos eu lavava à noite, antes de dormir. Mas quando vi que ele já estava ficando oleoso na hora do almoço, eu desisti e comecei a lavar toda santa manhã antes de ir trabalhar. Primeiro, pelo excesso de oleosidade. Segundo (e mais importante), pela facilidade com a qual ele amassa. Os fios são muito finos, e acordo com os fios fazendo vários ângulos retos entre si, triste. Por isso mesmo não dei certo com xampu a seco (lembram?). Por outro lado, tenho presenciado um ressecamento/destruição horrendo das pontas. É aquele eterno dilema das luzes que postei aqui.

Eis que ontem fui orientada a deixar de lavar os cabelos todos os dias... vejam como eu reagi… :laugh:

Falando sério, tive uma experiência diferente/legal ontem. Sabem o Spa Dios, aquele salão mega badalado de SP? Ele veio aqui de novo, minha irmã descobriu e marcou horário pra gente. Foi um custo, mas consegui trocar um ambulatório da tarde, e lá fui eu ter minha tarde de dondoca. :laugh:

Eles são realmente mega profissionais, e os tratamentos são muito bons. Avaliaram meus cabelos, concordaram comigo que minhas pontas estavam o verdadeiro horror, e sugeriram três tratamentos: bordado (tira ponta-duplas sem mexer no comprimento), multivitaminas e lipídeos. E falaram para eu fazer a famosa velaterapia em julho, quando eles voltam aqui. Além disso, sugeriram vários produtos pra eu continuar o tratamento em casa, sendo 4 do próprio Spa Dios (proteína, 2 xampus, condicionador) e dois sensacionais da Joico (post a parte). O engraçado é que quando você vai pagar sua conta já estratosférica, os produtos já estão te esperando na sua sacolinha no caixa, e lá se vão mais centenas de dilmas. Eu sou sincera, se você quiser ir, prepare para quebrar vários cofrinhos, é completamente fora da realidade de 99% das pessoas (inclusive da minha, mas vide post anterior). Mas que é bom, isso é…

Foi lá que basicamente me disseram que não posso lavar os cabelos todos os dias. Que estraga muito, ele já é muito fino e quebradiço por causa das luzes. Eu sei disso, mas e pra conseguir?

A oleosidade não está sendo o problema número um, até por causa do Roacutan. Mas o fato de acordar com ele todo amassado me incomoda demais! A primeira coisa que vou ter que fazer é comprar touca de banho. Descartáveis, sabe? Porque eu acho touca de banho convencional a coisa mais nojenta e horrorosa do mundo, fica toda úmida e fedida, nheca eca eca. Segundo, tentar parar com meu hábito de pegar demais nos cabelos, pra ver se ele “aguenta” dois dias sem lavar. Terceiro, usar Bed Heads da vida, e meu leave-in novo “prescrito” para esse fim. Hoje eu fui trabalhar sem lavar os cabelos após anos; não ficou como eu gosto, mas ficou pelo menos razoável graças ao super leave-in novo (é uma espuminha). Será o fim de uma era?


Beijos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Página 6 de 19234567891011