27
novembro
2013

O dia em que meu cabelo ficou preso no Miracurl

Postado por Ana em Cabelo, Crônicas cosméticas

Como quase todas as mulheres, eu desejei muito comprar o Miracurl quando vi as maravilhas que fazia. Eu tenho aparelho de babyliss em casa, mas pensem numa pessoa totalmente desprovida desse tipo de dom??? Eu vi uma luz no fim do túnel, e eu estava determinada a pagar a pequena fortuna que custa um Miracurl da Babyliss (“o original e pioneiro“). Eu tinha juntado um monte de coisa no carrinho da Amazon.de para comprar logo antes de viajar. Uma delas, o Miracurl pela módica quantia de 190 euros… Pois o negócio esgotou antes que eu tivesse a chance de comprar, fiquei super chateada. Mas continuei determinada a procurá-lo e comprar.

anamira1

Aí fui ao salão hoje fazer as unhas. Desses de bairro mesmo, a dona/manicure é ótima e ela faz boas escovas no meu cabelo também. Ela me disse que uma cliente havia comprado o Miracurl e deixado lá para ela experimentar, já que ela queria comprar um pro salão. Aí ela me mostrou, fiquei admirando o aparelho. Então ela demonstrou o uso numa mecha no cabelo dela. Wonderful, wow, top! Aí ela falou: tenta aí, Ana!! Fui então testar, né? Separei uma pequena mecha. Meu cabelo é bem liso. O aparelho a sugou como deve ser, sendo que assustei porque ele dá uma puxada boa na raiz e na internet não vi falando isso. Soltou, e saiu uma mecha super qüen, mal enrolada. Murchei na hora: “incrível que até isso não sei usar”! Aí ela foi e falou “deixe-me te mostrar“. Pegou uma mecha das boas na frente do meu cabelo. O aparelho sugou o cabelo… pi…pi…piiii! Hora de tirar. Aí ela abriu o negócio e não saiu cabelo nenhum. Ela disse em bom mineirês: “uai?“. De princípio achei que ela estivesse brincando – como assim o produto sensação mundial vai estrepar logo o meu cabelo? Daí vi que ela não tava brincando coisíssima nenhuma. Abria, fechava, puxava e nada do cabelo sair. O complicado da coisa é que o cabelo fica lá dentro do aparelho. Não é que nem uma chapinha que ele engancha mas você vê ele todo ali de fora… Acho que deu um nó, sei lá. Eu entrei meio em estado de choque. Eu sou tipo da pessoa que em momentos de crise não faço escândalo algum, não por ser controlada, mas por saber que o pânico e escândalo atrapalham as pessoas de pensar propriamente e sempre levam ao pior resultado possível. Apesar de catatônica, pedi para ela tirar da tomada, que pelo menos o negócio ia esfriando.

miracurl

Aí puxa, puxa, puxa, o cabelo não saía. A outra manicure só olhando, até que ela falou “Fulaaaaana, me ajuda!!!!!”. E eu só olhando para frente meio anestesiada, já imaginando a tesoura passando na minha mecha quase que na frente. Sendo que o negócio pegou desde a raiz. E eu com esse volume já mega mirrado. Como diabos eu ia corrigir isso a tempo do casamento? Passou um FLASH da minha vida inteira… (heheheheh dramáaaatica). Aí após muito insistir, um minuto depois ela puxou muito forte e o cabelo saiu… Um minuto parece pouca coisa, mas quando seu cabelo está dentro de um ferro quente, acredite, é coisa pra caramba.

Desisti de comprar a joça imediatamente. Snif! Mas sério mesmo. Eu só li opinião sobre o Miracurl até agora o fazendo parecer como um aparelho dos deuses do Olimpo. Acho no mínimo justo compartilhar que isso pode acontecer também, viu?

EDIT: Gente, não vou mais aceitar comentários neste post, ok? Fechei os comuns e os do Facebook só serão visíveis para os próprios amigos de quem comentar. Já tem relatos suficientes e pra mim é difícil dar atenção a todos os posts antigos do blog ao mesmo tempo; espero que entendam! Por fim, não tenho nada contra a Babyliss, não fiz post nem para defender nem para atacar – apenas para contar uma experiência engraçada – no fim das contas foi engraçada – que tive com o aparelho. Qualquer dúvida que possam ter entrem em contato com a própria marca. Beijo



Beijos da azarada

07
junho
2013

Avaliando os produtos do Spa Dios

Postado por Ana em Cabelo

É muito post sobre cabelo pra tão pouco cabelo! :laugh: Desde que eu saí com minha sacola recheada de produtos do Spa Dios (quando vieram em BH), eu basicamente fiquei usando só eles. Claro que cada cabelo é diferente, inclusive me falaram pra eu dar minha opinião quando voltasse, se tinha gostado dos produtos, se não tinha gostado de alguma coisa… São produtos à venda para quem faz tratamento no salão, mas é claro que sempre tem uma amiga querendo passar pra frente, etc… EDIT: Agora dá para encomendar por e-mail através do site deles! Fora que tem gente curiosa aí, né? O (único) lado bom de a visita ter sido (muito bem) paga, é que posso dar minha opinião 100% livre de influências jabasísticas.

Proteína

dios1

Para mim esse é o produto. Ele é o diferencial, ele é que vale a pena comprar. E é realmente muito bom! A proteína você passa no cabelo antes de lavar, sempre sem pegar a raiz. E aí você deixa uns 15 minutos de depois vai tomar seu banho. Pode deixar bem mais se tiver tempo, só não pode realmente dormir com ela, porque se for pra raiz pesa muito o cabelo. Ela tem um cheiro ótimo, que incrivelmente resiste ao processo de lavagem que se segue, à secagem, e continua o cheiro soberano no cabelo dia afora. Eu tenho usado umas 3-4 vezes por semana e são os dias que o cabelo fica mais soltinho e brilhante. Aprovadíssimo.

Xampu Flor de Laranjeira

dios2

Esse xampu é para cabelos normais a secos. Mas engraçado, ele me dá uma sensação de xampu para cabelo oleoso. A gente dilui o xampu no potinho e joga sobre os cabelos, pra espalhar bem. Daí massageia só o couro cabeludo e enxagua bem. Eu, sinceramente, não consegui ver diferença neste xampu pra meus outros da Kérastase, John Frieda, Garnier. Fora que ele me dá a sensação de que eu preciso hidratar no banho, seja com condicionador ou máscara. Senão ele fica muito ruim de pentear, meio duro mesmo. Não sei compraria de novo … porque tem toda a questão da homeostase entre produtos, né? Vai que a proteína só funciona tão bem em sinergia com o xampu?

Xampu Flor de Limão

dios3

É para cabelos muito oleosos, e me passaram pra usar mais ou menos uma vez na semana. Ele realmente dá uma sugaaaaada fenomenal no óleo. Acaba tendo a função parecida com um anti-resíduos, né? Mas como eu adoro aquele meu, não compraria de novo, ficaria com o antigo.

Condicionador

dios4

Deste eu realmente não gostei. Também é pra usar diluído, mergulhando uma metade do cabelo de cada vez, até as orelhas (pra não chegar na raiz). O problema é que ele não me dá aquela sensação de “penteável”, macio, que todos os outros dão debaixo do chuveiro. Eu passo no cabelo e o pente nem desliza fácil depois. Também não fica macio depois que seca, a não ser que eu tenha passado meu Moroccanoil, por exemplo. Na verdade eu tinha abolido condicionador há tempos, era ou só leave-in ou só a própria máscara de tratamento. Não deu certo pra mim!

É isso, minha opinião honesta após quase 1 mês de uso contínuo. Altamente variável de pessoa pra pessoa, não custa lembrar! Mas se você quiser procurar algum pra comprar, minha dica é: a proteína!!


Beijos!

04
junho
2013

Leave-In da Joico

Postado por Ana em Cabelo

Eu já tinha ouvido falar maravilhas da Joico, mas só comprei produtos da marca há algumas semanas, na visita ao Dios. Lá eles me sugeriram um leave-in “reconstrutor sem enxágue” e uma máscara reconstrutora. Na verdade, o leave-in era pra me ajudar a tentar não lavar os cabelos diariamente (consegui não lavar só 3 dias deste então).

joico1

Esse chama K-PAK Reconstruct Leave-In Protectant e faz parte da linha de tratamento K-PAK! Eu nunca tinha tido um leave-in em mousse. Na verdade, pra mim mousse é algo mais cremoso, tá mais pra uma espuma mesmo. Essa é talvez a grande vantagem pra mim: é levinho, levinho. A impressão é que se você colocar uma xícara do produto na cabeça ele não vai pesar. Muito menos deixar oleoso. O Bed Head, por exemplo, eu gosto muito pras pontas, mas se errar a mão, viro uma frigideira. :laugh:

joico2

O cheiro é levinho, uma delícia! Mas, como eu imaginei, ele não resolveu o problema do meu “cabelo amassado”. Mas também, acho que seria fisicamente impossível. Quando eu realmente estou disposta a não lavar, já vi que tenho que passar uma água da pia, e aí sim o leave-in. Ele controla bem o frizz, dá um cheirinho de recém-lavado… Uso nos cabelos levemente úmidos!!

Ele pertence à categoria que mais gosto: não é paliativo (igual Bed Head), ele é tratamento mesmo! Além de ser protetor térmico (importantíssimo). Reconstrói as cutículas e tudo mais, aquela ladainha toda. Aprovadíssimo!

Aqui no Brasil você acha online por umas 100 Dilmas. Se tiver a chance de comprar fora, o faça porque é muuuuuuuito mais barato.

“Quando os cabelos são lindos, tudo é lindo numa mulher” in COLOROMA, Propaganda da. :laugh:


Beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Página 9 de 20567891011121314