04
março
2015

Testei – protetor térmico do Lee Stafford

Postado por Ana em Cabelo

Tenho uma dica boa de produto capilar – pelo menos deu certo pra mim: o Poker Straight Flat Iron Protection Shine Mist, a.k.a protetor térmico do Lee Stafford.

lee1

Andei sofrendo um bocado com protetores térmicos! Pra resumo de história, comecei usando um de uma marca boa e cara (CHI) que embaraçava e endurecia meu cabelo de tal forma que um dia o nó foi tão grande que tive que cortar um pedaço. Paralelamente comprei um do John Frieda, que não foi de todo ruim mas também embaraçava/endurecia num nível que me incomodava. Daí em dezembro comprei o protetor térmico da minha nova marca favorita para cabelos – Lee Stafford.

lee2
lee3

Não me arrependi! É em spray (menos uma coisa pra melecar a mão), cheirinho gostoso da marca e … não embaraça nem deixa o cabelo duro. Quer dizer, já notei que o potencial embaraçador é algo intrínseco de anti-térmicos, então se exagero na dose ele dá uma embaraçadinha sim. Mas é só prestar atenção e usar só as sprayadas necessárias (no meu caso, 4 ao longo de todo o cabelo) que ele não vai interferir em nada. Na propaganda ele diz que deixa o cabelo mais liso, mas isso não sei falar porque o meu já é liso, ainda mais secando com secador… A validade é boa: 36 meses!

lee4

Onde comprar e preço Comprei no Dufry de Guarulhos, mas vi vendendo na Sephora (50 reais, 200mL), na Belezanaweb (47,90, 200mL). Aqui na Alemanha vejo a linha quase completa na Müller.

Protetor térmico é algo que nem creme anti-idade: você usa sem ver grandes efeitos imediatos, você confia que estará te fazendo bem de alguma forma. Como eu tenho secado meu cabelo todo dia (mesmo pra ficar em casa) e meu cabelo é super fraco, não posso ficar sem de jeito nenhum.

lcrate5

Beijos da fã do Lee

12
janeiro
2015

Testei: invisibobble, a gominha que não marca o cabelo

Postado por Ana em Cabelo

Eu bem já tentei parar de lavar meus cabelos todos os dias. Concluí que se fosse só pela oleosidade isso até seria possível com ajuda de xampus a seco (amo esse). Pena que tem outro fator muito limitante: meus fios são muito finos, então eu acordo com o cabelo totalmente marcado. Mas claro – têm algumas situações em que quero prender meu cabelo – seja pra variar o penteado, para cozinhar alguma coisa. Qualquer rabo-de-cavalo que eu faça deixa uma marca imensa, então quando decido fazer um rabo, não posso “voltar atrás” depois. Ano passado as vi por acaso na loja pela primeira vez – caixinhas com invisibobbles, gominhas que não marcam o cabelo – pelo menos a promessa é essa.

divulgaFoto: divulgação

Depois li mais sobre ela na internet e resolvi testar! Além disso a propaganda diz que ela é mais fácil de esconder em penteados (exemplos aqui), mas essa parte de penteado não testei por motivo de: falta de talento. A caixinha com 3 unidades custa uns 5 euros (=/- 15 reais), o que acho caro se comparado com o preço das gominhas pretas básicas. Parecem cabos telefônicos de outrora e o material é aparentemente aquele mesmo.

O resultado pode variar com o tipo de cabelo, a título de comparações os meus cabelos são poucos, bem finos, lisos e raiz oleosa e comprimento nem tanto.

Nas instruções dizem que você pode usar sem dar volta nenhuma, dando duas voltas ou até três. No meu micro-cabelo a verdade é que 1 volta não faz pressão nenhuma, fica um rabo super xoxo e a gominha fica querendo cair. Daí dã, é óbvio que não marca. Dessa forma, só pra cozinhar alguma coisa, e olha lá.

1volta Não consigo usar só com uma volta fora de casa, fica bem desarrumado.

Com duas voltas, consigo um rabo mais normal, mas não aperta a ponto de fazer um rabo mais alto. O que achei chato é que, mesmo com o cabelo desembaraçado ela tende a enroscar – cruzes. Sabe quando você vai tirar a gominha e fica repuxando o cabelo? Portanto acho muito difícil que quem tem cabelo cacheado goste.

E aí, marca ou não? Olha, a partir do momento em que faço um rabo normal não-apertado com a gominha, ela marca meu cabelo sim. Igualzinho a uma gominha comum (mais barata, bonita e confortável). A imagem diz mais que mil palavras e o resultado foi esse, 4 horas depois.

hair Antes e 4 horas depois.

E olha que eu ajeitei com a mão após tirar a gominha! Isso porque não suei nem nada – o tempo está frio e seco. Sério, vocês acham que minha vida é fácil? Num é não! 🙁 Mas sério – não gostei e não recomendo. Fiquei triste, SNIF SNIF SNIF. Acho que só vale a pena se você achar que a gominha fica bonita no cabelo (eu não acho). Talvez não marque fios grossos, mais HEY, quem mais sofre com cabelo marcado são pessoas com fios finos como eu.

Só para ficar claro: eu não sou patrocinada em nada que mostro aqui no blog – compro tudo o que aparece aqui com meu dinheirinho, ou seja: eu compro esperando coisas boas, porque não sou doida, né? Mas infelizmente tem acontecido de eu comprar muita coisa ruim ultimamente – que zica. Preferia estar dando dicas do que comprar do que do que não comprar. Tá ficando chato já! ¯\_(ツ)_/¯

lcrate0

Alguém já usou (invisibobble ou genérica) e teve bom resultado?

p.s: mudei de instagram – a nova conta é @anacris.lc! 🙂
Beijos!

24
outubro
2014

Xampus pró-volume

Postado por Ana em Cabelo

Eu sempre fui meio cética com xampus que prometem dar volume, porque nunca me deram volume extra algum. Simples assim. Mas com o tempo fui notando que, pelo menos pra mim, os xampus pró-volume têm a pequena mas importante função de simplesmente não ferrar com meu cabelo.

“Mandamento do xampu”: Primum non nocere 🙂

Ou seja: são xampus que eu sei que não vão deixar meu cabelo mais pesado e grudado na cabeça ainda. O que já tive de surpresa desagradável com xampu novo aparentemente inofensivo (“cabelos normais”, etc)… Portanto, ultimamente só uso xampus assim, mesmo sabendo que não vão me dar nada perto da minha tão sonhada juba de leão!

xampu

Faz uns 3-4 meses que alterno entre esses dois e o instant clear da L’Oreal (este no máximo 2x por semana). São o Luxurious Volum do John Frieda e o My Big Fat Healthy Hair (quem deraaaa hahaha) do Lee Stafford. Gosto sempre de alternar xampus, nunca uso o mesmo dois dias seguidos; daí um funciona como anti-resíduo do outro, sabe como? Eles já estão no final, e gostei bastante . São leves, têm cheiro bom (principalmente o do Lee Stafford, que tem um cheiro maravilhoso) e claro – o cabelo fica soltinho e sem pesar. Comprei os dois na Müller, mas sei que as duas marcas tem no Brasil também (na Sephora, por exemplo).

Para dar mais volume na raiz (ao secar com secador) tenho usado um produto do Lee Stafford também, se chama My Big Fat Root Boost – estou gostando médio, posso postar sobre ele depois. Ah! A maré negra capilar já deu uma melhorada (cabelo cresce) – agora é só maré cinza!

E você? Já se deparou com algum produto que revolucionou o volume do cabelo (pra mais, no caso)? Se sim, não amarre a dica! 🙂

Beijos e bom fim-de-semana!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Página 5 de 2012345678910